Total Supernovas no Multiverso

terça-feira, 22 de março de 2011

Carlópolicity - A Cidade Parasita 2



De qual motivo você precisa pra ser feliz? Aqui a gente encontra vários, calçadão, pesque-pague, piscina e pescaria... Sem falar do churrasquinho e cervejinha, mas e as outras coisas que você depende?
Exato! Você não depende de nada! Sabe aquela porra de carro bom que você acha que precisa ter? Pra pegar aquelas meninas que você desconfia que seja necessário possuir no seu currículo? Então, aqui rola essa hipocrisia, gente mesquinha com fígado flex: destilado e fermentado, sem falar dos pulmões flex: nicotina e cocaína, desfilando pelas ruas exibindo sensualidade comprada com promissórias a prazo, mas esse não é o que me incomoda, aliás, esse é o sistema consumista da socialight.
Hoje está rolando uma noite superaquecida com policiais rondando as ruas atrás de idiotas em pleno flagrante, bactérias com falantes a todo volume, e notas enrroladas com cartões de CPF dentro dos carros. Uma guria me pede um cigarro, sou franco e digo que não é dessa maneira que escolhi morrer, prefiro ficar curtido no mel, ela ri e me diz que não vai rolar que é de meninas que ela gosta, engraçado, pois está rolando essa cena por aqui mesmo.
Está cidade passou por uma evolução artificial, industrial, e cultural. Celulares, confecções e calças verdes, essa é a porra que está rolando, mas legal é falar sobre aquela ilha. Não! Não é a ilha de LOST! É outra...
Pra quem pesca e curte dar um role pela represa sombria dessa cidade gótica e doentia, rola um lugar que no passado servia de cemitério para um povo que desapareceu sobre as profundezas das águas.
Havia lápides por todos os lados, corpos antigos sepultando histórias antigas, pais, filhos e mães, todos eles com suas histórias enterradas sem conexão nenhuma com seus familiares, todos abandonados.
Mas aqui é assim que as coisas rolam, todos se esquecem de como essa cidade foi erguida com lágrimas e sangue, o que importa é que ela foi escolhida por Áquila e é aqui que ela desenvolve sua linhagem.
Nossa ancora está aqui, escrevendo nesse momento coisas de Áquila para todos vocês entenderem uma parcela de um mundo que vocês não fazem a mínima idéia de como funciona, pois toda essa rede interligada depende unicamente de uma única mente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário